sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Objetivo de Fevereiro - Quilt The Garden - Feito!

Fevereiro foi um mês atípico por aqui. 
Aconteceram varias coisas fora da nossa rotina. 

No início do mês estabeleci o objetivo de terminar o quilt The Garden - veja aqui  participando do "A Lovely Year of Finishes - 2014"

Somente hoje a noite consegui atingir meu objeto dando os últimos pontinhos na colocação do viés e da etiqueta com as informações do quilt.

Não sei se vocês podem imaginar o quanto estou feliz e me sentindo realizada por 
- ter resgado mais um UFO do Baú;
- ter mais um trabalho concluído, 
- ter conseguido executar meu plano e ter atingido meu objetivo. 
Viva!!!

E ainda preciso dizer que estou encantada com o aspecto "country" deste quilt



Dados Ténicos: 

Técnica: Aplicação (o tutorial para a técnica de Appliqué que utilizei pode ser encontrada aqui)

Tamanho: 82cm X 63cm ( aproximadamente
 32" X 26").

Quilting: feito com o Walking foot: Quilting reto  e  para  os contornos das aplicações.

BindingViés Francês,  costurado a máquina e finalizado com pontos invisíveis a mão.

Para a etiqueta utilizei um dos blocos extras que montei, conforme vocês podem observar na foto ao lado.




Com esta postagem estou participando de:
2014 - A Lovely Year of Finishes

Link a Finished Friday -  Richard and Tanya Quilts

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Bordando - Slow Sunday Stitching

Já que hoje é Domingo, dia de Slow Stitching, aproveito para preparar um bloco de assinatura que será usado em um quilt do projeto Love Quilts Brasil, que irá alegar uma criança com sérios problemas de saúde. 

Feito com carinho por voluntárias do projeto Love Quilts Brasil Acolchoados de Amor para ...
Se você borda ponto cruz ou faz patchwork, participe e ajude a colocar um lindo sorriso no rosto de uma criança doente. 

Durante a semana que passou uma colcha para a qual eu fiz o jogo de blocos de patchwork foi entregue  pelas voluntárias Neide e  Carolina, lá em São José do Rio Preto - SP




Aproveito para mostrar a vocês como ficou o quilt, com o tema Carros de Serviços que o Guilherme recebeu (a foto não está muito boa, mas acredito que dê para ter uma idéia).

Se quiser saber mais sobre o Guilherme e como foi esta entrega, clique AQUI e AQUI.



Agora, melhor eu voltar ao bordado para a Vivian, quero terminá-lo ainda esta tarde.
Assim, participo deste Slow Sunday Stitching, e torno meu domingo ainda mais relaxante e útil.
Bom domingo e bons pontinhos para todos.

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Testando a caneta FRIXION

Ela surgiu no mercado de patchwork, como sendo a nova sensação do momento. Fácil de usar e remover, bastando passar a ferro ou mesmo aplicar ar quente do secador e todas as marcações desaparecem.

Tudo indicando que agora as quilters e "patchworkeiras" assim como bordadeiras de ponto cruz haviam encontrado a solução pros seus problemas. Esta disponível no mercado a caneta FRIXION, importada e  fabricada pela Pilot.

Aí, outro dia, chamou a minha atenção o fato de uma de minhas amigas ter comentado que uma das cores da caneta (se não me engano a vermelha) era mais difícil de desaparecer do que a roxa e que dependendo do tecido que ela havia sido usada ficava um "fantasma".

Quase que ao mesmo tempo, encontrei por acaso um artigo em um blog de uma quilter americana, sobre problemas com a tal caneta.

Eu as havia usado para marcar um quilting em um dos trabalhos que terminei em Janeiro, (mostrei o trabalho concluído, AQUI)
Nesta primeira foto vocês poderão ver as marcas que fiz para fazer o quilting:
Marcação do Quilting com as canetas rosa e roxa
Na sequência, depois do trabalho acolchoado ele foi passado a ferro e todas as marcas realmente desapareceram:
Depois do quilting feito, remoção das marcas com o ferro de passar
Fotos do trabalho concluído, indicando que tudo estava de acordo com o esperado. 
Toalha individual americana finalizada
Decidi então fazer alguns testes. E os resultados que consegui não são nada animadores.

Se as marcas desaparecem com o calor, será que elas reaparecem com o frio?

Teste Nº 1:
Teste Nº 1
- Enrolei o trabalho, coloquei dentro de um saquinho plástico e deixei por 2 dias dentro do congelador.
- Ao retirar do congelador e abrir o trabalho...lá estavam elas, todas as marcas voltaram.


Teste Nº 2:

-Deixei de molho com sabão de coco líquido por 2 horas, passei sabão de coco em pedra, esfreguei e enxaguei.
- Coloquei no varal para secar.

OBS: Estamos em pleno verão, e nenhuma marca apareceu.


- Enrolei novamente o trabalho, coloquei dentro de um saquinho plástico e deixei por 1 dia dentro do congelador.

- Ao retirar do congelador e abrir o trabalho... as marcas voltaram a aparecer, embora um pouquinho menos perceptíveis.




Conclusão:  embora pareça que as marcas tenham desaparecido, na verdade elas continuam lá. 
Por sorte vivemos em um país tropical onde raramente as temperaturas no inverno chegam próximas a marca de 0º C, porém, à partir de agora não me sinto confortável para utilizá-la novamente em outros trabalhos. 
Nem tudo que se vê, é o que realmente é

A caneta FRIXION não foi desenvolvida para uso específico em artesanato: patchwork, quilting e bordados.
Na descrição no site de uma empresa brasileira que a comercializa as informações são as seguintes:
Descrição
- PILOT FRIXION ROLLER-BALL
- CANETA QUE APAGA
- CANETA E APAGADOR EM UMA UNICA PEÇA
- TINTA QUE APAGA COM FRICÇÃO,
- PERMITE ESCREVER, APAGAR E RE-ESCREVER FACILMENTE, SEM POEIRA E NÃO QUÍMICO.

Aprendi que antes de utilizar qualquer nova maravilha que surja, mesmo que tenha sido indicada por uma profissional da área,  é melhor testar de várias maneiras antes para não correr nenhum risco de ter um lindo trabalho estragado e marcado para sempre.

A peça na qual usei a caneta era pequena e sem grande importância, embora tenha sido catalogada como meu 1º UFO. E agora me lembrei que a utilizei também para marcar um lindo bordado em ponto cruz, que mostrei aqui...que lástima!

A dica que fica é: Façam o teste que fiz e verifiquem se com vocês acontece a mesma coisa, antes de utilizá-la em um novo trabalho.

Alerta: Cuidado!

Se descobrirem uma maneira de fazer as marcas desaparecerem definitivamente, me avisem.

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Torta Preguiçosa

Torta Preguiçosa

1ª. etapa
1  ½  xícara de farinha de trigo
½  xícara de açúcar
3 colheres de sopa (bem cheias) de margarina
1 colher de sobremesa de fermento (químico) em pó
1 colher de café de canela em pó

Faça uma farofa, misturando bem todos os ingredientes acima. Reserve.

2ª. Etapa
2 ovos
¾ xícara de chá de leite
1 colher de sopa de açúcar
Bata bem e reserve

3ª. Etapa
4 bananas fatiadas em rodelas (usei banana prata )
Nozes picadas
Uva passa sem semente

Montagem:
Em um refratário, coloque metade da farofa, as fatias de banana, as nozes picadas. Cubra com o restante da farofa.
Coloque as Uvas Passas por cima
Regue com a mistura de ovos.
Leve para assar em temperatura baixa por 30 minutos ou até dourar.

Sirva quente ou fria. Acompanhada de sorvete, fica ainda melhor.

OBS: pode ser feita também com fatias de maçã no lugar da banana ou mesmo misturando banana e maçã.

quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Regulagem do Ponto

Manual da Máquina de Costura Vigorelli
Parte 3 - REGULAGEM DO PONTO

A tensão correta da linha  é importante porque ela afeta diretamente a qualidade dos pontos da costura.
Pouca ou muita tensão produzirá costura frágil ou franzirá o tecido.
Se a regulagem estiver correta a costura será perfeita.  Tanto a linha superior como a da bobina se entrelaçarão no meio dos tecidos e os pontos serão iguais tanto no avesso como na parte de cima, conforme esquema acima.

Antes de iniciar uma costura é recomendado sempre, fazer um teste, para checagem. Use uma amostra com os tecidos e a linha que será usada. 

Existem dois tipos de tensão: a superior (na agulha) e a inferior (na bobina).

Geralmente não será necessário alterar a tensão inferior, sendo suficiente a regulagem da tensão superior. Como fazer isso?


Se a tensão Superior estiver muito baixa, as laçadas aparecerão do lado do avesso (lado de baixo)  e a linha da bobina estará esticada, sem formar os pontos adequadamente.

Para solucionar o problema, aumente a tensão girando o botão do dispositivo de tensão para um número mais alto (gire o botão para a direita - ou para o lado da frente da máquina).

Se a linha superior parecer reta (esticada) e aparecerem laçadas na parte de cima do tecido,  isto indica que  a linha superior está com muita tensão.

Para solucionar, diminua a tensão girando o botão do dispositivo de tensão para um número menor (gire o botão para a esquerda, ou para o lado de trás da máquina).

Nos dois casos, muitas vezes é preciso paciência, pois será necessário repetir e testar o procedimento várias vezes.
Para conseguir um ponto perfeito, tenha o cuidado de regular corretamente a tensão. 

IMPORTANTE:
1 - Para cada tipo ou marca de linha a tensão deverá ser ajustada. Linha mais fina ou mais grossa requer nova regulagem.
Preferencialmente utilize o mesmo tipo/marca de linha tanto na bobina quanto na parte superior.
2 – Gire o botão do dispositivo de tensão para um lado ou para o outro, conforme a necessidade, lentamente e vá testando a cada alteração, até ajustar adequadamente a tensão.

Boas Costuras!


domingo, 9 de fevereiro de 2014

Slow Stitching Week

Não só hoje mas durante toda a semana que passou e provavelmente  ainda nesta que hoje se inicia, está sendo um período de Slow Stitching. 
O que pude fazer foi bem pouco, mas esse pouco significou muito. 
Foi esse pouco que me ajudou a distrair a cabeça em meio a tantas preocupações. 
Entre um pontinho e outro uma oração e assim as linhas que usei  serviram de fio de ligação, com Deus. 






Nunca vou me esquecer do dia em que bordei o nome DANIEL neste bloquinho de assinatura que será usado na montagem de um lindo quilt do projeto Love Quilts Brasil.











As pequenas flores sob a mão da vovó, bloco do quilt The Garden, não ficaram perfeitas, mas não irei refaze-las, porque assim como estão elas terão uma história para contar.












E as 5 rosetas vermelhas e brancas em EPP que consegui montar  e os demais jogos de hexágonos que alinhavei, representam uma grande superação. Vejam como a pilha de rosetas prontas está aumentando, com a que montei hoje já são 61 flores.





Com eles,  cada  pequeno e lento pontinho (Slow Stitching)  me ajudou a atravessar as dificuldades que enfrentamos. Tenho certeza que muito em breve daremos graças.

Participando do "In hand" EPP Link Part # 5 e Slow Stitching Sunday 
Desejo um feliz e abençoada semana para todos.

segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Celtic Solstice - Link up final

Uma grande quantidade de participantes do Mystery Quilt promovido por Bonnie Hunter terminou seu quilt e muito provavelmente já o está usando.
Outros continuam trabalhando em seus quilts e tendo progressos.
Outros ainda estão começando a fazer as unidades ou montando os primeiros blocos.
Eu faço parte do pelotão intermediário.

Ok, devo confessar. Durante Janeiro eu perdi o Foco ao me propor  também terminar  um Ufo, e devo reportar aqui que felizmente consegui terminar não só 1 mas 2 deles e ainda ter algum progresso com o meu Celtic Solstice. Com toda certeza se tivesse me dedicado somente a ele o progresso na confecção deste quilt teria sido maior.

Após o Mistério ter sido revelado (Mistério revelado) decidi aumentar  o tamanho final do topo central, para 9 carreiras mantendo no entanto as 7 colunas, todos os blocos feitos até então eram para a montagem do tamanho menor (7 X 7) e para montar mais 2 carreiras, precisei cortar e costurar novas partes para a montagem dos 14 blocos extras e outras tantas unidades que serão utilizadas nas bordas.

No momento a situação é a seguinte: 

  • Todas as carreiras estão costuradas. 
  • As 3 carreiras superiores já estão unidas. 
  • Os tecidos para as 2 bordas (interna e externa) estão cortados, faltando ainda unir as unidades de Tri-Recs Azul e laranja da borda central. 
  • O tecido para o forro está separado. Não é exatamente o que eu gostaria de usar, mas é o que tenho disponível, então está de bom tamanho.

Ainda preciso, preparar o viés de fechamento e decidir qual quilting farei, mas já sei que não será nada muito especial ou rebuscado, pois o foco principal deste quilt não será o quilting.

Espero que ele fique pronto bem antes do Solstício de Inverno, lembrando que por morar no hemisfério Sul do planeta o Solstício de inverno este ano será dia 21 de Junho.  

Mais uma vez, deixo aqui meu agradecimento a Bonnie Hunter por esta jornada maravilhosa de desafio e aprendizado. O quilt Celtic Solstice é lindo e estou contando os dias para ver o meu primeiro Quilt Misterioso terminado.

Se você quiser  ver  lindos quilts  prontos e o andamento de muitos outros, clique  aqui:  Celtic Solstice Mystery Link-Up FINALE!

domingo, 2 de fevereiro de 2014

Slow Stitching Sunday 02-Fev-2014 - Aplicação

Primeiro domingo de Fevereiro , verão a todo vapor por aqui. Dia ensolarado com uma agradável brisa soprando. 
Domingo é dia de relaxar de curtir a família, a natureza e aproveitar para pegar a agulha e dar alguns pontinhos. 
Nada de correria, nada de estresse...
Ontem, estabeleci minha  meta para Fevereiro: Terminar o quilt The Garden
Tenho 23 unidades prontas. 
O bloco que estou aplicando hoje foi preparado e iniciado há um bom tempo atrás, depois ficou guardado no Baú dos Ufos  e somente agora estou terminando os pontos invisíveis. Que bom que restam somente 2-1/2 polegadas neste bloco, a ser feito e então poderei partir para os próximos passos para o término deste quilt. 
Para a aplicação gosto muito de usar agulha Darning Nº 9, comprei um envelope com 20 agulhas. Mas note que provavelmente logo está não dará mais conta do recado. Ela está torta. (risos). Quando você faz aplicação sua agulha também fica assim?
Na sequência só porque não quero ficar à toa, e nem ir para a máquina de costura hoje, afinal hoje é Domingo dia de Slow Stitching Sunday,  alinhavarei mais alguns hexágonos da série EPP - Roseta Vermelha e Branca, assim terei algo com o que distrair a cabeça durante os apontamentos desta semana.
Mãos ocupadas espantam preocupações.
Desejo um ótimo domingo e uma linda semana para todos.

sábado, 1 de fevereiro de 2014

Os Doze Pontos de Ouro em Fevereiro

Seja Bem Vindo Fevereiro!!! Como você chegou rápido!!
Já é hora de estabelecer uma nova meta a ser cumprida este mês.
Com 3 dias a menos e alguns apontamentos agendados para dar assistência aos filhos, precisei estudar bem as possibilidades para escolher qual UFO quero terminar em Fevereiro.  

O escolhido foi: o quilt The Garden, que atualmente está nesta situação:

Iniciei a fazer as aplicações deste quilt em Janeiro de 2011. Tenho prontas 23 unidades aplicadas.  

O que falta fazer:
 - bloco da vovó. 
 - juntar os blocos para montar o topo central. 
 - cortar e costurar as bordas.
 - o sanduíche.
 - quilting.
 - colocar o viés e fechar.

Feito o Plano de Trabalho é necessário Executar esse plano para atingir o objetivo. 

Se tivermos certeza de nossas intenções, planejar os passos que nos levam até lá é fácil. 

Faça! Execute o plano. E lembre-se: Um plano sem ação é apenas um sonho.

Revisando o livro "Doze Pontos de Ouro" - Aliske Webb


Ponto de ouro Nº 1: Assumir um compromisso.

Ponto de ouro Nº 2: Estabelecer uma meta.

Ponto de outro Nº 3 : Fazer um Plano de trabalho e executá-lo.

Então, já que Fevereiro chegou. Mãos a Obra!
My Button
Estou me juntando ao "A Lovely Year of Finishes - 2014", já que quero ter um Lindo Ano de Trabalhos Terminados.

Meu objetivo para Fevereiro é terminar o quilt The Garden!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...