quinta-feira, 29 de maio de 2014

Acolchoado de Amor do KAUÃ VITOR foi entregue!

Acolchoado de Amor do Kauã Vitor

Hoje, Marisa, voluntária do projeto
LOVE QUILTS BRASIL, fez a entrega do Acolchoado de Amor do KAUÃ VITOR na sede da AMICCA no Rio de Janeiro - RJ. 

Falei sobre este acolchoado e como o estava montando AQUI e depois quando ele ficou pronto AQUI.

Confesso, eu estava super ansiosa para que esta entrega acontecesse, após alguns contratempos,  finalmente deu tudo certo e a partir de hoje o  Kauã Vitor poderá dormir aquecido por nosso carinho. 

Almofada Frente e Verso
E é com grande alegria que mostro como a colcha e a almofada com o tema ABC e Números ficaram.

Clique aqui caso queira ler o relato e ver outras fotos tiradas durante a entrega. 

domingo, 25 de maio de 2014

Dentes impelentes - como abaixar

Dentes impelentes são aqueles dentinhos que ficam embaixo do pé calcador e que transportam o tecido quando se está costurando.

Para bordar, cerzir ou fazer quilting livre, é preciso abaixar  ou isolar os dentes impelentes para que o comando de movimentação do tecido fique em suas mãos.


Minha Máquina de Costura VIGORELLI tem um botão na base da máquina. É o Botão dispositivo para abaixar ou erguer os dentes impelentes.

Girando o botão para a esquerda (#) os dentes impelentes abaixam. 

Posicionando o botão para a direita (---) os dentes impelentes sobem, esta é a posição para costura reta.

Alguns modelos da VIGORELLI  e outras máquinas antigas  não possuem este botão. O que fazer?





A minha ELGIN FUTURA também não tem esse botão.

Para isolar os dentes impelentes é preciso usar um acessório isolante, também conhecido como guia isolante,ou placa de cobertura. 




Essa placa de cobertura é instalada no furo da chapa da agulha e fica presa com a chapa corrediça, assim ela cobre e isola os dentes impelentes.



Esse acessório não custa caro e pode ser adquirido em casas especializadas em conserto e manutenção de máquinas de costura. 


Algumas máquinas elétricas de costura, um pouco mais modernas, usam uma plaquinha plástica para cobrir e isolar os dentes.

quinta-feira, 15 de maio de 2014

Quilt com estrelas

O Acolchoado de Amor da NIKOLLE ficou pronto! 
E logo iniciará sua viagem até Barretos, com escala em São José do Rio Preto-SP, onde a voluntária Neide, responsável pelas inscrições  das crianças do Hospital de Câncer de Barretos e entrega dos acolchoados lá, reside.

Já contei pra vocês AQUI como fiz os blocos de patchwork que foram utilizados na confecção deste quilt.

Aproveito para mostrar como ficou o verso do Acolchoado:


Nesta foto dá pra ver bem como fiz o quilting  de cada bloco de patchwork e também das bordas. 
detalhe do quilting das bordas do quilt
Contarei mais detalhes quando a NIKOLLE receber o Acolchoado de Amor dela, porque por enquanto é surpresa.

quarta-feira, 14 de maio de 2014

Bordas com quadradinhos


Semana passada a voluntária Vanise fez a entrega de uma colcha do projeto Love Quilts Brasil para a JAMYLLE, o tema escolhido por ela foi Contos e Histórias Infantis. 

Para o Acolchoado de Amor dela eu montei as bordas com quadradinhos de 11,5 X 11,5cm. Este é um ótimo recurso para utilização de pequenas sobras de tecidos e gostei muito do resultado final. 


Muitos tons de rosa para colocar um sorriso no rostinho da JAMYLLE !

Saiba mais sobre a Jamylle , clicando AQUI, e  AQUI para ficar sabendo como foi esta entrega.

Poder contribuir de alguma forma para ver o sorriso da JAMYLLE, não tem preço.

Se você borda ponto cruz ou faz patchwork, participe e descubra como fazer a diferença na vida de crianças com graves problemas de saúde acessando o site do projeto LOVE QUILTS BRASIL

Se quiser contribuir de outra maneira, entre em contato, ou deixe um recadinho aqui.

sábado, 10 de maio de 2014

Tutorial bloco Sawtooth Star with Crumb Strips

Como aproveitar mínimos retalhos que sobraram da confecção de outros jogos de blocos de patchwork
A inspiração veio de Bonnie Hunter, quilter americana conhecida mundialmente como a "Rainha dos Retalhos". Acompanho o blog Quiltville e assisto aos episódios de Quilt Cam, sempre aprendo algo novo. Ano passado ela estava fazendo o entremeio de blocos de um quilt com aproveitamento de pequenos retalhos para formar as tiras de migalhas  (Crumb Strips), usando a técnica paper piecing
Decidi tentar também, vejam só quem apareceu na Quilt Cam de 14 de Agosto de 2013 (1:11:25 - 1:12:04):



Quando comecei a costurar essas pequenas tiras, ainda não tinha claramente decidido o que faria com elas.   Mas seria algo útil para a montagem de blocos de patchwork para o projeto Love Quilts Brasil. Usei folhas  de uma lista telefônica velha, para foundation  da técnica Paper Piecing - cortei tiras de (5,5cm X 15.5cm).



Após ver uma fotografia de um trabalho feito por  Priscilla que Bonnie publicou Aqui decidi o que fazer. Pronto!  hora de colocar a mão na massa e usar as tiras   no centro de em um bloco de estrela.

Na estrutura de um bloco tradicional, o Sawtooth Star. Colocando 3 tiras no centro de cada estrela.

Vejam como alguns dos blocos ficaram:


Os triângulos que formam as pontas das estrelas também foram feitos com tecidos variados,  e o bloco que mais gostei foi o que será usado na almofada.
Nele, as pontas de cada um dos lado da estrela foram feitas com tecidos diferentes (é o último no mosaico acima). Mas existem outros blocos bem interessantes. Notem o minusculo log-cabin na tira central da penúltima estrela. O cogumelo na 3a. estrela e a casinha na 4a. estrela.  Foi muito divertido aproveitar todos estes pequenos retalhos.

Quer fazer também?
Foi assim que eu fiz:

Tutorial :  Sawtooth Star with Crumbs Strips

Tamanho final do bloco: 30 X 30cm (+ margem de costura).

Crumb Strips
1 - Pegue sua caixa de Retalhos e selecione retalhos pequenos, se tiver Half Square Triangles pequenos ou qualquer outra unidade pequena que tenha sido descartada de outros trabalhos também poderá usa-las;
2 - Recorte 3 tiras de papel com 5 X 16,5cm - para servirem de fundação (foundation);



Importante:  Ajuste o comprimento do ponto de sua máquina para que os pontos fiquem bem pequenos;


3 - Posicione o primeiro retalho próximo ao centro de uma das tiras, com a frente do tecido para cima;

OBS: use sempre retalhos simples ou conjunto de retalhos já costurados com mais de 6,5cm de largura;

4 - Alinhe o próximo retalho sobre o primeiro posicionando o tecido frente com frente. Passe uma costura usando o pé calcador da máquina como margem de costura;

5 - Continue costurando outros retalhos de um lado ou do outro, seguindo em direção as extremidades da tira;

DICAS:  

  • Mude algumas vezes o ângulo da costura para tornar a tira mais interessante. 
  • Costure sempre do lado que achar que o retalho irá se destacar ou combinar melhor.
  • Se preciso corte o excesso de margem de costura, tomando o cuidado de dobrar o papel para não cortá-lo. 
  • Após cada costura sempre passe a ferro para assentar a costura.

7 - Quando cobrir toda a superfície das  tiras de papel com os retalhos, refile da seguinte forma:

  • Forme 3 pilhas, na da esquerda refile somente a lateral direita da tira. 
  • Na central refile dos dois lados, para que a tira de tecidos fique com 6,5cm de largura; 
  • E na tira da direita refile somente do lado esquerdo, removendo os excessos de tecidos dessas laterais.

8 - Costure unindo as 3 tiras.



9 - Passe as costuras abertas e então refile para que forme uma unidade com 16,5 X 16,5cm. 

10 - remova os papeis
Pronto a parte central da estrela está pronta!


Para formar as pontas das estrelas serão necessários (para cada bloco):
4 retângulos de 16,5 X 9cm do tecido de fundo
8 quadrados de 9 X 9cm do tecido para as pontas das estrelas
que formarão a unidade com um  Flying Geese:



1 - faça um risco diagonal de uma ponta a outra no avesso do tecido dos quadrados;
2 - coloque um quadrado sobre o retângulo, frente com frente, ajustando bem. Observe bem se a marcação diagonal está posicionada corretamente para formar a ponta da estrela. Passe uma costura bem juntinha ao risco central do lado externo (veja foto abaixo);
3 - abra para se certificar que o triangulo irá cobrir totalmente a ponta do retângulo;

Agora você escolhe:

- quer descartar os 2 triângulos que sobrarão quando corta o excesso da margem de costura a 0,75 cm?
 ou

- quer ter de bônus  um Half Square Triangle (HST) medindo 7 X 7cm, para ser usado futuramente?  

                               Eu escolhi ter o bônus! 
Para isto só é preciso  passar uma outra costura a 1,50 cm da costura anterior e cortar no centro, entre as 2 costuras. 

4 - repita os passos anteriores do outro lado do retângulo

Para os cantos laterais deste bloco serão necessários:
4 quadrados de 9 X 9  cm do tecido de fundo.

Montagem do bloco:Costure as unidades que comporão este bloco da mesma forma que é feita a montagem de um bloco Nine Patch tradicional.

Una as 3 unidades da 1ª. e da 3ª. carreiras e passe as costuras para o centro.
Una as 3 unidades da carreira central e passe as costuras para fora
Na sequência costure unindo a 1ª. carreira a central e para terminar costure a carreira central a 3ª. carreira.

O avesso do bloco ficará assim:
Avesso do bloco
Estrela Sawtooth com tiras de migalhas
Este jogo com 13 blocos de patchwork será utilizado no Acolchoado de Amor da NIKOLLE.

--- atualização para mostrar o resultado final:

sexta-feira, 2 de maio de 2014

Agulhas para máquinas de costura



As agulhas são nossas grandes aliadas na arte da costura. Por isso vamos conversar um pouquinho sobre agulhas para máquinas de costura. 


Partes de uma agulha:

Haste - é a parte do corpo da agulha que lhe dá o tamanho.

Cabo - é a parte do corpo da agulha que se encaixa na barra de agulha da máquina, um dos lados é plano e o outro arredondado. Algumas marcas de agulhas são produzidas com inscrições, na parte plana, referentes  as especificações de tamanho e nome do fabricante.

Canaleta – ao longo da haste (do inicio do cabo até abaixo do olho), do lado arredondado do cabo a canaleta é o guia protetor da linha, local onde a linha que alimenta a agulha se acomoda durante a costura.

Cava – do lado oposto a canaleta  há um rebaixamento existente na haste, logo acima da ponta do lado oposto da canaleta onde a linha se acomoda no momento da laçada da linha da bobina.

Olho
– furo que atravessa a haste, é por onde a linha passa.

Ponta - o tipo de ponta da agulha é muito importante e varia de um tipo de agulha para outro, conforme o material que se quer costurar.

Tamanho da Agulha:
O tamanho da agulha é determinado pelo diâmetro da peça, medido na haste da agulha.

Atualmente existem 2 sistemas de tamanho: o Singer ou Sistema Americano e o Sistema Métrico, conhecido como NM = Número Métrico.

Embora no sistema Singer o número seja arbitrário, números mais altos indicam diâmetro maior.

Já o Sistema Métrico mede o diâmetro da agulha em centésimos de milímetros, assim, uma agulha 100 tem o diâmetro de 1 milimetro.

Agulha rotulada como 14/90 ou 90/14 indica que 14 é o indicador do Sistema Singer e 90 é o indicador do Sistema Métrico.

A regra básica é: para tecido mais grosso use sempre uma agulha com numeração maior:

Finalidade das agulhas:
Outra diferença importante entre as agulhas é a finalidade para a qual elas foram desenvolvidas. 

Agulha universal - código Singer 2020 é a agulha mais comum, usada para costura em geral. Sua ponta é afiada mas ligeiramente arredondada. Esta é a agulha que normalmente vem em toda máquina de costura.

Agulha de Ponta esférica (ballpoint) - código Singer 2045,  pode ser facilmente identificada pois seu tronco é dourado, desenvolvida para costurar malhas  e outros tecidos com elasticidade. A ponta arredondada desliza entre os fios das malhas, sem cortá-los.

Agulha para bordado (embroidery) – código Singer 2011, possuem um olho bem grande para que linhas decorativas, que são mais grossas passem  facilmente, evitando constantes quebras da linha, sua ponta é semi afiada.

Agulhas para quilting (betweens) – código Singer 2019,  são menores, o olho é menor, possuem a ponta semi afiada e lamina mais resistente, são específicas para fazer matêlasse ou quilting.

Agulhas para pesponto (topstitching), possuem um olho bem grande para linhas grossas ou até mesmo 2 fios de linha.

Agulha para Jeans (denim), código Singer 2026, com a cava maior e a ponta super afiada, especial para costurar material pesado

Agulha Microtex, código Singer 2023, com a ponta ultra fina, usada para a costura de microfibra e outros tecidos delicados.

Agulha dupla - código  2024, 2025, 2028 são duas agulhas paralelas com um único encaixe para a barra de agulha. São usadas normalmente para decoração. Existem várias larguras separando uma agulha da outra de 1,5mm a 6mm. 
OBS- apenas alguns tipos de máquinas de costura permitem sua utilização, normalmente as que fazem o ponto zig-zag.

Colocação da Agulha:
É muito importante que a parte plana do tronco da agulha esteja corretamente encaixada na barra de agulha da máquina, ou sua costura poderá apresentar pontos falsos. Consulte o manual de sua máquina de costura.

Vida útil da Agulha:
Qual a vida útil de uma agulha? - 12 horas de uso continuo, em costura normal e 6 horas para quilting, mas isto pode variar dependendo  de uma série de fatores.
Defeito -  Se você usa Agulhas de ótima qualidade raramente acontecerá da agulha ter um defeito de fabricação.

Má utilização - Se a agulha entrar em contato durante a costura com alguma parte metálica, como alfinetes a agulha poderá entortar ou até quebrar. Na foto ao lado vocês poderão notar que sei disso por experiência própria.

Costurar papel, como na técnica Paper Piecing poderá deixar a agulha cega mais rapidamente. Agulhas cegas costuma danificar o tecido, puxando fios da trama. Aliás este é um importante sinal que sua agulha precisa ser trocada.


Checagem da Agulha:
Faça uma checagem visual para verificar se a agulha não está torta.  É sempre bom comparar uma agualha nova com a que se está usando. Como fazer isso?

Apoie a parte plana do cabo da agulha sobre uma superfície reta de vidro ou metal. Pressione para que a parte plana fique bem encostada na superfície  e observe se a agulha está com uma distância uniforme da superfície. Observe se ela não está torta.

Lembre-se: Fazer a escolha correta  da ferramenta para a execução de um trabalho tornará o trabalho mais fácil, mais perfeito e mais eficiente.

Assista a este vídeo da Singer sobre Agulhas para máquinas de costura, ele é bem esclarecedor.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...